Ex-ministro do STF foi procurado, mas não quer se envolver com o ex-juiz declarado suspeito pela suprema corte.

247

O ex-juiz Sergio Moro, que foi declarado parcial e suspeito pelo Supremo Tribunal Federal e destruiu 4,4 milhões de empregos, segundo o Dieese, pediu um encontro com o ex-ministro Joaquim Barbosa, do STF, mas a reunião não acontecerá, segundo informa o jornalista Lauro Jardim, do Globo.

Barbosa, que conduziu os processos da Ação Penal 470, do chamado “mensalão”, não quer se envolver com Moro e é possível até que apoie Lula em 2022.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here