Autor foi preso e relatou que ao beber a bebida o “transforma”.

Um idoso de 77 anos, foi levado para o Hospital Demétria Albano Ramos na noite de ontem (7) após apresentar um corte na parte superior da boca.  As informações dão conta que os fatos se desenrolaram após brigas depois de bebedeiras.

Bebedeiras sem limites

O PNEWS foi atrás, saber do furdunço. Apurou-se que após muito consumo de bebidas alcóolicas acabou gerando uma calorosa discussão, que culminou em dupla agressão. Pois bem, os dois passaram o dia ‘enchendo a cara’ e do nada, o “espírito da confusão” baixou no local. O idoso foi parar no hospital da cidade com um ferimento na boca, e o caso foi considerado grave, pois teve a artéria do lábio superior exposta.

O fato foi parar na delegacia da cidade, e soube-se que uma turminha já conhecida da polícia se reuniram para encher o bucho de cachaça e para fechar com “chave de ouro”, claro muito confusão, gente enfadonha e bêbada, dando trabalheira no hospital e forçando a paciência da polícia.

Na bebedeira, tinha um idoso de 77 anos, outro de 35, e mais dois elementos que completam este enredo de cachaçaiada e brigas. Depois de beberem até o pizeiro começar, os dois metidos a espertos, deram no pé. Ficando o idoso e o outro de 35 para entrarem em vias de fato.

Depois das discussões o mais jovem deu uma mordida no lábio superior do idoso e a gritaria foi tremenda; confusão da brava, gritos e pedidos de socorros. Acionaram o serviço hospitalar. No hospital, uma outra solicitação, que tinha um homem sagrando feito um ‘porco furado’ no bairro Santo Antônio, que seria o autor da agressão ao idoso.

Depois de acalmada a confusão, o caso foi registrado como crime de lesão corporal de natureza grave e o homem de 35 anos, preso em flagrante. Em sua defesa, disse que não pode beber e que quando o faz, sua personalidade se transforma. O idoso permanece internado, se recuperando da mordida, quase que fatal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here