Balanço refere-se a um ano. Vereador Sandoval de Oliveira (PTB) não retirou nenhuma diária.

O OPORTALPNEWS fez um levantamento a partir das informações do Portal da Transparência da Câmara Municipal de Pedro Gomes que revela gastos de diárias de todos os vereadores durante o ano de 2021. Os valores são usados para custear as viagens dos políticos quando se ausentam da cidade, atendendo-os em estadias e alimentação, por exemplo.

Ressalta-se aqui que o levantamento tem como objetivo principal, mostrar aos cidadãos quanto seus representantes na Casa de Leis gastam em diárias, que são verbas públicas, ou seja diárias que são pagas com dinheiro dos nossos impostos.

Pois bem, o parlamentar Antônio Marcos Teodoro, o Marquinhos (PTB) é o ‘campeão’. De acordo com dados levantados por este noticioso, o vereador sacou R$ 23.898,37. Em seguida aparece Nicanor Farias (PSDB) com R$ 21.201.25. O Presidente da Mesa Diretora da Casa, Mauro Júnior(PSDB) vem em seguida com um valor total de R$ 20.898,37. O vereador Anderson Luiz Fontoura, o Fontourinha (PTB) fecha a lista dos três primeiros, com um valor total de R$ 18.778,25.

Confira a relação da retirada de diárias dos demais vereadores:

Adaides Francisco, o Lobinho (DEM) R$ 15.144,75

Paulo dos Santos Goes, o Chiquinho da Vila(PDT) R$ 11.509,25

Jairo dos Santos (Patri) R$ 11.509,25

Reges de Paula (PTB) R$ 2.423,00

Por que Marquinhos retirou tantas diárias?

As retiradas das diárias pela vereança pedrogomense já virou até inquérito no Ministério Público. A vereança atual ficou marcada por sua ‘fome descomunal’ por diárias que mais parece complemento salarial. Logo no começo do ano, os nossos representantes do legislativo retiram mais de R$ 30 mil.

Depois de divulgação da gastança pelo PNEWS e pressão dos pedrogomenses, a maioria da Casa recuaram. Entretanto, o ano fechou com um dos vereadores menos expressivos na Casa, liderando nas retiradas. Como se percebe, Marquinho ficou com certa dificuldade aparente de conjugar ideias, após passar por sérios problemas de saúde. Mas, como se vê para pegar diárias, o parlamentar não foi nada modesto.

A pergunta que não quer calar. No que foi que o pedrogomense levou vantagem nessa gastança toda? Recentemente, a maioria dos pares votaram a favor da implantação da taxa de lixo, sem ao menos consultar a população, como manda a lei nesse caso; uma audiência pública. Entre os que votaram pela taxa, está inclusive, Marquinhos que em suas alegações disse que se o projeto não fosse votado a cidade iria perder recursos e por isso votou pelo projeto. O que não passa de uma ‘baita mentira’. Os municípios só deixam de receber recursos se eles estiverem em débitos com a União, o que não é o caso de Pedro Gomes. Tire as suas próprias conclusões.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here