O pior ficou para quem “comprou” o produto do furto pela merreca de R$50,00; foi parar no hospital.

Um homem de 31 anos, terá que dar explicações para a Justiça após ter furtado uma bicicleta no bairro Santo Antônio.

Guardem suas bicicletas

De acordo com o registro da polícia, o indivíduo invadiu uma residência na localidade surrupiado uma bicicleta de marca. Sabendo quem era o autor do furto, o proprietário acionou a Guarnição Policial pelo 190 comunicando os fatos. Ele afirmou que a porta da casa tinha sido violada, inclusive estava com a maçaneta quebrada. Que conhece o autor, informando aos miliares as suas características, nome e sobrenome e que teria visto o suspeito passando com a bicicleta.

Quando os militares o localizou ele já estava à pé e sem a bicicleta. Ao ser questionado sobre o produto furtado ele descaradamente disse que tinha vendido para um outro sujeito que estava em um bar, pela merreca de R$ 50,00.

O homem foi localizado e quando viu a viatura policial já começou a passar mal. Deu tremedeira, batedeira no coração e quando viu os policiais descendo do camburão indo em sua direção a pressão subiu vertiginosamente. Mudou todo o protocolo policial que teve que correr com o sujeito para o hospital da cidade. O indivíduo teve que ficar em observação por causa do “tilico tico”, que deu depois de saber que teria adquirido um produto oriundo de furto.

Por fim, a bicicleta foi entregue ao verdadeiro dono e os demais-, o que furtou e o que em tese cometeu crime de receptação terá que responder pelo ato no rigores da Lei.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here