por:Paulo da Silva

As duas escolas estaduais em Pedro Gomes, Francisco Ribeiro Soares e Professora Cleuza Teodoro, aderiam parcialmente a greve do setor administrativo por conta do impasse sobre o reajuste salarial com o Governo do Estado.

Em algumas escolas do Estado, alunos, pais, Professores e outros funcionários estão fazendo o serviço dos grevistas, a pedido dos diretores, para não paralisar as aulas. Algumas escolas já estão fechadas. Em Pedro Gomes os serviços estão sobrecarregados nas duas escolas conforme declarou o diretor,da escola Cleuza, Joelson Honorato ao OPORTALPNEWS.

A greve foi a saída após terem às reivindicações solicitadas junto ao governador Reinaldo Azambuja entre elas: incorporação do abono salarial, política salarial para os próximos anos, manutenção da jornada de seis horas e convocação do concurso público para o setor administrativo.

Uma decisão do desembargador Luiz Tadeu Barbosa Silva, do Tribunal de Justiça do Estado (TJMS) determina que dois terços (2/3) dos servidores estaduais têm que trabalhar durante a greve. Cerca de 90% da categoria aderiram à greve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here