Entorpecente faz parte de apreensões feitas na cidade pedrogomense.

por:Paulo da Silva

As polícias Civil e Militar realizaram na manhã desta sexta-feira(26) a incineração de 120 gramas de maconha em Pedro Gomes. A droga foi apreendida com micro traficantes e usuários aqui na cidade.

Foto:Divulgação da Polícia Civil de Pedro Gomes

Não é a primeira vez que ocorre a queima de drogas na cidade. Em novembro de 2018, ocorreu a incineração de mais de 100 quilos de drogas. O prefeito William Fontoura(DEM), o Promotor Público, Adriano Barrozo, secretariado e vereadores, o jurista, Dr. Jean Rommy participaram naquele dia do ato de queima de drogas.

Incineração ocorrida em novembro de 2018

No dia de hoje, por conta da pandemia, seguimentos da sociedade não participaram do evento. Somente o delegado de Polícia Civil de Pedro Gomes, Dr. Murilo Jorge e demais apoiadores acompanharam o processo de incineração juntamente com militares e investigadores de Pedro Gomes.

Foto:Divulgação da Polícia Civil de Pedro Gomes

A destruição do entorpecente ocorreu em um frigorífico, localizado no zona rural de Pedro Gomes. Foram consumidos pelo fogo, 120 g de maconha que caso fosse comercializado se converteria em cerca de 165 cigarros.

Foto:Divulgação da Polícia Civil de Pedro Gomes

A droga incinerada são de processos conclusos, com apreensões realizadas entre os dois anos anteriores e estavam apreendidas  na delegacia local. A Lei antidrogas exige que os entorpecentes apreendidos seja destruídos no prazo de 15 dias, mas no caso de Pedro Gomes esse prazo é estendido pelo motivo que a média de apreensão mensal é baixa.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here