Entre tapas e beijos.

Um casal, morador de Sonora entraram em vias de fatos na cidade de Sonora, e a bronca foi acabar na delegacia. O fato ocorreu ontem (13) com direito a registro de Boletim de Ocorrência na delegacia.

De acordo com informações colhidas, o casalzinho foram encher a cara para depois discutirem a eventual separação. O “romance” deles era típico daquela cantiga sertaneja enjoada; “entre tapas e beijos”. Entre copos e mais copos de cervejas, quitutes e uísques baratos, e deduzindo que a bebida entra e a verdade sai-, claro, deu merda. A resenha foi grande e cheia de pormenores. Até as bufas fedidas que o macho soltava na cama vieram a tona. Daí as brigas que já eram constantes recomeçaram e só foi parar com a chegada do camburão da polícia.

Pois bem, depois de encher o bucho de cachaça o homem passou a dar socos e empurrões na mulher causando-lhe lesões corporais. O lazarento ainda sentou em cima da coitada. Ela para se defender, pôs para fora seu lado animalesco, transformando-se numa fera. Tacou-lhe mordidas por toda as partes do corpo, todas mesmo viu, até lá. Sim lá mesmo, nas parte baixas, nas bolas, digo, no genital. Todo mordido, marcado, esfolado e esgotado e ainda preso.

Por fim, o relacionamento que começou com brigas, também terminou com-, brigas. Ele levando a pior. Foi levado para o hospital da cidade para exames de copo delito e depois encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para as devidas providências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here